REFENO: Primeiras embarcações começam a chegar no Cabanga

Barcos.jpg

Faltando 11 dias para o início da Refeno, o clima da maior regata oceânica da América Latina já se faz presente no Cabanga Iate Clube, com a chegada das embarcações inscritas na disputa. Além dos barcos recifenses, outros 18 já atracaram na capital pernambucana.

As embarcações que já chegaram ao Recife são: Pinquin, Dadu, Tucarnus, Entre Pólos, Anakena, Aya, Yarebe, Toro, Zenith, J One, Yara, Caboge, Marina Antônia, Jahú, Labadee, RS 1, Audaz e Charada.

Esse número irá crescer bastante nos próximos dias, com a proximidade da largada da Refeno, realizada no dia 29 de setembro, no Marco Zero. Ao todo, 61 embarcações já estão inscritas na edição 2018 da competição.

Doze Estados serão representados na edição 2018 da Refeno. Além dos pernambucanos, teremos embarcações de Alagoas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo. As inscrições ainda estão abertas até 27 de setembro e podem ser feitas clicando aqui.

Inspeção dos barcos para a 30ª Refeno começa nesta segunda-feira (17)

Cabanga Refeno 2018 - Inspeção Marinha - Fotos Tsuey Lan Bizzocchi-4.jpg

As embarcações que vão participar da 30ª Regata Recife-Fernando de Noronha começaram a ser inspecionadas pela Marinha a partir desta segunda-feira (17). O agendamento deve ser feito através do e-mail secretaria@refeno.com.br e as vistorias acontecem até o dia 26 de setembro, a partir das 9h30.

A Marinha do Brasil reforça a importância de os itens de segurança estarem todos inspecionados dentro do prazo de validade para as embarcações que vão disputar a Refeno 2018. Neste ano, a partida será no dia 29 de setembro, ao meio-dia, no Marco Zero do Recife. Continuar lendo “Inspeção dos barcos para a 30ª Refeno começa nesta segunda-feira (17)”

Copa Aniversário de Dingue mistura regata com gincana em Pernambuco

No último domingo a Classe Dingue Pernambuco comemorou os 18 anos de fundação da antiga Flotilha Dingue de Pernambuco (Flodinpe), com uma regata-gincana. Repetindo o sucesso do formato inaugurado no ano passado, a prova foi realizada em frente à sub-sede do Cabanga Iate Clube no Rio Timbó (Maria Farinha). Ao fugir do tradicional modelo de regatas, a ideia era realizar uma brincadeira que misture a celebração do prazer de velejar com a prática de aproximação de marcas e precisão no manejo do barco.

A gincana envolve a distribuição de três botes infláveis e dois Optimists (cascos) em locais fixos ao longo do Rio. De acordo com a distância, cada bote contém uma bola com determinado valor (1, 2 ou 3 pontos). Já os Optimists contém tipos variados de bônus, que podem somar ou subtrair da pontuação geral. Para completar a brincadeira, duas bolas-coringa ficaram escondidas ao longo do percurso, itens esses os quais conferem aos barcos que as recolherem a incumbência de remover pontos de outros barcos. Continuar lendo “Copa Aniversário de Dingue mistura regata com gincana em Pernambuco”

Cabanga vence em todas as categorias no Norte/Nordeste de Optimist

NE Optimist 2018 - Fotos Tsuey Lan Bizocchi-4.jpg

O Cabanga recuperou a hegemonia da vela regional ao conquistar o título do Campeonato Norte/Nordeste de Optimist em todas as categorias. Júlia Ollivier, Júlio Avellar, Roberto Cardoso Filho e Valentina Guimarães foram os campeões do torneio, finalizado neste sábado (8), na sede de Maria Farinha do clube.

Na categoria veterano, Roberto Cardoso Filho assumiu a liderança ainda no segundo dia de competição para terminar como o grande campeão. A segunda posição ficou com Antônio Roma, também do Cabanga, e João Pedro Cardoso completou o pódio em terceiro.

O título do feminino foi conquistado por Júlia Ollivier, que ficou na quinta colocação no geral. Anita Zirpoli foi a vice-campeã e Thaís Freires terminou na terceira colocação. Entre os estreantes, Valentina Guimarães Araújo venceu a competição, seguida por Lucas Sant’Anna e Milena Araújo.Enquanto no Infantil, Júlio Avellar foi o campeão. Todos do Cabanga. Continuar lendo “Cabanga vence em todas as categorias no Norte/Nordeste de Optimist”

Daniel Dantas vence o Norte-Nordeste de Laser

Fotodanieldantas

O velejador Daniel Dantas foi campeão geral do Campeonato Norte/Nordeste da classe Laser, disputado na cidade de Natal, no Rio Grande do Norte. As provas começaram a serem disputadas na última sexta-feira (07/09).

Daniel Dantas disputou na categoria Senior e venceu quatro das cinco regatas que disputou. Na única prova em que não saiu vencedor, acabou no segundo lugar. O atleta do Cabanga Iate Clube ocupou a liderança com seis pontos perdidos. Para se ter ideia da disparidade do velejador no campeonato, o segundo colocado, o alagoano Wellington Teotonio, teve 18 pontos perdidos.

Além de Daniel, outros dois velejadores do Cabanga Iate Clube conseguiram bons resultados em Natal. José Sebastião Lins e Oscar Barbosa ficaram em terceiro e quarto, respectivamente, na categoria Ggmaster. No geral, ficaram em 11º e 12º, nessa ordem.

O título do pernambucano no Rio Grande do Norte foi apenas mais uma vitória do Cabanga neste final de semana. Na sede de Maria Farinha, onde foi disputado o 45º Norte/Nordeste de Optimist, o clube ficou em primeiro em todas as categorias do torneio. No geral, o título ficou com Roberto Cardoso Filho, enquanto que no feminino o troféu foi para Júlia Ollivier. Já no infantil masculino, Júlio Avellar ficou com a taça. E, entre os estreantes, Valentina Guimarães terminou o campeonato no topo.

da assessoria

Mario Junior e Anderson Brandão vencem o Sul-Brasileiro de Snipe

unnamed (31).jpg

Os velejadores paulistas Mario Junior e Anderson Brandão conquistou neste domingo o título do 48º Campeonato Sul-Brasileiro de Snipe, em competição realizada desde a última sexta-feira, na Sede Oceânica do Iate Clube de Santa Catarina, em Jurerê. Com apenas 13 pontos perdidos a campanha da dupla da Escola de Vela de Ilhabela foi marcada por muita consistência ao longo de toda semana sendo que o pior resultado dos dois foi um quinto lugar nas sete regatas disputadas.

“Estamos treinando muito e esse título é muito importante. Temos um apoio enorme da nossa cidade e vencer um evento deste nível é muito bom. Temos pela frente a Copa Brasil de Vela e ter competido aqui ajuda muito para conhecer melhor a raia. É sempre importante competir com atletas deste nível, em especial aqui em Florianópolis que é um lugar excelente”, avalia o timoneiro Mario Junior. Continuar lendo “Mario Junior e Anderson Brandão vencem o Sul-Brasileiro de Snipe”

ICSC sedia o Sul-Brasileiro de Snipe no feriado de Independência

unnamed (30).jpg

O Iate Clube de Santa Catarina sedia a partir desta sexta-feira (07) o 48º Campeonato Sul-Brasileiro de Snipe, competição que reunirá cerca de trinta embarcações na Sede Oceânica do Veleiros da Ilha, em Jurerê. A disputa será a primeira de uma série de três eventos de relevância nacional no segundo semestre em Florianópolis, que recebe ainda o Campeonato Sul-Brasileiro de Optimist e a Copa Brasil de Vela, ambos em novembro.

Com sete regatas previstas para os próximos três dias, o Sul-Brasileiro de Optimist já tem presença confirmada de duplas do Rio de Janeiro, Brasília, Rio Grande do Sul, São Paulo e Santa Catarina, mas esse número deve aumentar uma vez que os velejadores têm até às 11h desta sexta-feira (7) para confirmar presença na etapa. A competição será realizada com disputas nas categorias Geral, Mista, Master, Júnior e Feminina. Continuar lendo “ICSC sedia o Sul-Brasileiro de Snipe no feriado de Independência”

Organização divulga o AR da Copa Brasil de Vela

Dia 01_Carlos Robles e Marco Grael_Dante Bianchi e Thomas Lowbeer_Credito Ana Catarina

Entre os dias 18 e 24 de novembro a capital catarinense vai ser o palco do maior evento da vela de monotipo do país: a Copa Brasil de Vela. Estão convidadas as classes olímpicas, pan-americanas e jovens. As inscrições custam R$ 150,00 por velejador até o dia 18/10 e após esta data, R$ 200,00 por velejador e pode ser pagos por transferência na conta Caixa Econômica Federal, Agência nº. 4044, Op. 003, conta corrente nº 1456-2, Confederação Brasileira de Vela, CNPJ: 17.543.402/0001-35 – ou diretamente na sede da Confederação Brasileira de Vela a partir do dia 20/06/2017 ou na secretaria do evento a partir do dia 18/11/2018. Para os campeonatos Sul-Americanos de Formula Kite, Nacra 17 e 49er, os valores estão especificados nos ARs de cada competição.

Para ver o AR completo, clique aqui.

Odara é campeão brasileiro de MOCRA

No sábado chegou ao fim em Maragojipe, na Bahia, o Brasileiro da classe MOCRA. A última regata da competição foi a tradicional Aratu Maragojipe, que foi vencida pelo Aventureiro 3. A regata reuniu mais de 100 embarcações, enquanto o Brasileiro contou com seis multicascos.

Confira o relato de Karina Hutzler, tripulante do Aventureiro:

Começamos o último dia do Brasileiro de Mocra empatados em pontos com o Seu Gugu. Mas perdendo no desempate. Precisávamos vencê-lo na Aratu Maragogipe para ficar em terceiro no campeonato Brasileiro, uma tarefa difícil, já que estamos na casa deles e eles têm um barco bem mais leve com tripulação local muito experiente. Éramos somente cinco a bordo mais o pequeno Lipe, de 6 anos e não nos entregamos nem por um segundo. Ao cruzar a linha, comemoramos a vitória sobre o Seu Gugu no tempo corrigido o que nos deixaria em terceiro n Brasileiro. Mas, ao desembarcar, fui dar uma olhada na diferença de tempo corrigido e para a minha surpresa vencemos a Aratu Maragogipe e com isso conquistamos o vice campeonato brasileiro. Passamos o troféu rotativo com alegria pra o Odara e vamos voltar pra casa com a sensação de ter feito o nosso melhor. Foi um campeonato sensacional. Quem perdeu foi quem não participou”, disse ela.

Os resultados podem ser vistos aqui.

 

Odara lidera o Brasileiro de MOCRA na Bahia

whatsapp-image-2018-08-24-at-7-51-41-am.jpeg

Depois de dois dias de competição e três regatas disputadas, sendo uma longa e duas triangulares, o Odara é lidera invicto o Campeonato Brasileiro de MOCRA, que está sendo disputado no Aratu Iate Clube, na Bahia. O evento encerra neste sábado com a disputa da tradicional regata Aratu Maragojipe, que conta com mais de 100 veleiros inscritos.

Confira os resultados aqui.