Próxima America´s Cup vai tomando formato na Nova Zelândia

Pouco a pouco os detalhes da próxima America´s Cup estão sendo revelados e a disputa pelo troféu mais antigo do mundo vai tomando forma. Já se sabe que a 36th America’s Cup Match Presented by Prada vai ser disputado entre os dias 6 e 21 de março de 2021 entre o Emirates Team New Zealand e o vencedor da Prada Cup em uma melhor de 13 (o primeiro a marcar sete pontos vence). O local escolhido foi o Golfo Hauraki,

Enquanto os barcos oficiais ainda não podem ser usados, o Ineos Team UK treina em um protótipo, chamado de T5. É um barco menor, mas também moncasco com foils. A data para o uso do barco oficial é 31 de março de 2019.

Por enquanto apenas três equipes querem desafiar o ETNZ: Luna Rossa, American Magic e Ineos Team UK, mas, segundo Max Sirena, diretor e skipper do Luna Rossa, “existem outros potenciais desafiantes”.

America´s Cup: Equipe americana anuncia seus velejadores

Resultado de imagem para terry hutchinson

A equipe americana American Magic anunciou a primeira lista de velejadores que integrarão o time na próxima America´s Cup. Sob o comando do skipper Terry Hutchinson, o time do New York Yacht Club terá nove velejadores americanos, quatro neozelandeses, dois britânicos, um argentino e um australiano. Confira a lista:

Timoneiros/táticos: Dean Barker (Auckland), Andrew Campbell (San Diego), Bora Gulari (Detroit), Ian Moore (Cowes, Grã Bretanha).

Trimmers: Trevor Burd (Marblehead, Massachusetts), Maciel Cicchetti (Mar del Plata, Argentina), Paul Goodison (Sheffield, Grã Bretanha), David Hughes (Miami).

Especialistas: Matt Cassidy (San Diego), Sean Clarkson (Kerikeri, New Zealand), Jim Turner (Auckland).

Grinders: Cooper Dressler (Coronado, Califórnia), Luke Muller (Ft. Pierce, Flórida), Caleb Paine (San Diego), Luke Payne (Fremantle, Austrália), Joe Spooner (Auckland).

Técnico: James Lyne of Granville (Vermont).

 

 

Equipe da Sardenha explica mal entendido sobre a America´s Cup

adelasia di torres

O porta-voz da equipe Sardinia Challenge Adelasia di Torres explicou o mal entendido sobre a confirmação da participação da equipe na próxima America´s Cup. Segundo ele, Colin Squire, editor da revista Superyacht, interpretou erroneamente a fala da equipe, o que fez com que ele entendesse que o time já estava confirmado na competição.

O que acontece, no entanto, é que, se o time aplicar a sua participação na Copa até o dia 30 de junho, prazo final da inscrição, o que provavelmente vai acontecer, ela será aceita.

“Tive a impressão, quando escrevi o texto para a imprensa, de que o desafio havia sido aceito, mas aparentemente eu interpretei errado a conversa [com o líder da equipe Renato Azara]. É terrível, eu nunca enviaria algo para a imprensa se eu soubesse que estava incorreto, mas pareceu que Renato disse com segurança que, quando ele submetesse o desafio no final do mês, o que ele quer fazer, eles [o Royal New Zealand Yacht Squadron] aceitaria. Foi um erro de interpretação meu que veio por conta de um problema de linguagem. Ele está tentando armar o desafio há quatro ou cinco meses e o que podemos fazer agora é sentar e esperar”, disse Squire.

 

Mais uma equipe confirma participação na America´s Cup

71eefZixWcsAxAwJBN6D

O Royal New Zealand Yacht Squadron aceitou um quarto desafiante para a próxima América’s Cup: o time italiano Adelasia di Torres. O time da Sardenha já aparecia nos noticiários nas últimas três semanas e deverá velejar sob o comando de Renato Azzara, fundador da Sardinia Yacht Services. O time terá como base de treinamento até 2020 a base do encontro do G8, cedida pelo governo local, na Ilha de Maddalena.

Auckland é confirmada com sede da próxima América´s Cup

A cidade neozelandesa de Auckland foi confirmada como sede da 36ª America´s Cup, em março de 2021. O anúncio foi feito nesta segunda-feira pelo defensor Team New Zealand e o governo neozelandês.

O Challenge Of Record 36 (COR), braço operacional do Luna Rossa, desafiante da Copa, se disse satisfeito com o anúncio. “Em nome dos desafiantes, estamos muito contentes com este anúncio. Estamos ansiosos para ir para Auckland, onde iremos organizar a Christmas Race, em dezembro de 2020 e a Prada Cup, competição que vai definir o desafiante em janeiro e fevereiro de 2021. Muito bem, Aucland, que venha a AC36!”, disse Laurent Esquier, CEO da COR36.

 

Luna Rossa confirma James Spithill como skipper na próxima America´s Cup

spithill.png

Agora é oficial. O Luna Rossa confirmou em seu site oficial que o australiano James Spithill voltará a timonear o barco italiano na próxima edição da America´s Cup. Spithill levou a equipe à vitória nas edições de 2010 e 2013. O Luna Rossa é o desafiante desta próxima edição da Copa.

Leia o anúncio oficial (em inglês):

“Cagliari, Italy: Two time America’s Cup winning skipper, Jimmy Spithill, with wins in 2010 and 2013 and previous helmsman in the Valencia challenge in 2007, returns to Luna Rossa.

With multiple World titles in a number of classes and match racing, as well as two Sydney to Hobart victories on Comanche, Jimmy started competing at a very early age when living in a small town North of Sydney only accessible by boat.

With his huge sports and technical experience on high-performance sailing boats, Jimmy brings additional strength to team Luna Rossa.”

foto: divulgação/luna rossa

 

Jornal italiano afirma que Spithill disputará America´s Cup no Luna Rossa

839581786.jpg

Parece que as coisas mudaram para o australiano James Spithill. Após perder a última edição da America´s Cup para o Team New Zealand, o Oracle Racing ainda não sabe se vai disputar a próxima, na Nova Zelândia. O dono da equipe Larry Ellison estaria esperando as novas regras para tomar a sua decisão. Spithill, no entanto, aparentemente não quis esperar e já teria acertado com o desafiante italiano Luna Rossa.

“Com certeza iremos disputar esta America´s Cup. Quando você está envolvido com um ótimo grupo de pessoas, especialmente um time de sucesso, é viciante. Se torna uma obsessão. Uma vez que você prova, você quer mais!”, disse Spithill.

Nas últimas semanas o australiano foi visto algumas vezes em Cagliari e este poderá ser o seu retorno à equipe que comandou com sucesso nas vitórias de 2010 e 2013 na Copa.

Fonte: Vento e Vele

China poderá ter equipe na próxima America´s Cup

Resultado de imagem para liu xue sailor

Os rumores de que a China poderia ter uma equipe na próxima America´s Cup estão bem próximos de serem confirmados. Em entrevista ao site neozelandês NewsHub, membros do DongFeng, time chinês na Volvo, confirmaram que existe, sim, o interesse do país em brigar pelo troféu mais antigo do mundo ainda em disputa. “Queremos estar aqui para a disputa da America´s Cup e queremos vencer. Queremos velejar contra o Peter Burling”, disse Liu Xue, estrela da vela chinesa durante parada da VOR em Auckland.

ETNZ divulga barco da próxima America´s Cup

O Emirates Team New Zealand e o Luna Rossa (defensor e desafiante) revelaram nesta segunda-feira o desenho do barco que será usado na próxima America´s Cup. Um monocasco com foils de alta performance, que permitirá novamente a disputa do Match Race como ele é, além de, é claro, prezar pela segurança, já que o barco se desvira sozinho no caso de uma capotagem. Nestes quatro meses de pesquisa e desenvolvimento de projeto, os designers criaram fóils em formato de T se movem e dão estabilidade quando velejando em baixa velocidade. O fóil de sotavento está sempre dentro d’água, permitindo que o barco levante, reduzindo o arrasto. Nas manobras, os dois podem estar abaixados, dando mais controle ao barco.

 

NYYC confirma desafio na America´s Cup

Hap Terry DF Rolex

Após 15 anos longe das grandes competições, o New York Yacht Club vai novamente participar da competição como desafiante. O time representado pela Bella Mente Quantum Racing Association terá no comando os velejadores ohn J. “Hap” Fauth e Doug DeVos.

Fauth está acostumado a vitórias e tem no currículo, dentre outros títulos, o tri mundial de Maxi 72 a bordo do Bella Mente. DeVoss não fica atrás com excelentes campanhas no 52 Super Series em parceria com o Quantum Program, vencendo os campeonatos de 2008, 2011, 2013, 2014 e 2016.