Chuva marca primeiro dia da Regata de Abertura na Guarapiranga

Uma imagem contendo céu, ao ar livre, água, edifício

Descrição gerada automaticamente

O primeiro dia da Regata de Abertura 2020 foi marcado por chuva na Guarapiranga. Ainda assim cerca de 30 barcos das classes infanto-juvenis Optimists e Laser 4.7 completaram o percurso entre as raias 1 e 2. A largada foi dada às 14h em frente ao São Paulo Yatch Club, organizador da regata, que teve vento médio, de aproximadamente 10 nós.

Nas proximidades da Ilha dos Amores, ilha que divide as duas raias, a chuva apareceu com tudo, mas não desanimou os jovens velejadores. A flotilha montou uma boia próxima ao Clube de Campo Castelo, retornando novamente ao SPYC, onde estava a linha de chegada.

E apesar da chuva, o dia teve um gostinho especial para oito destes velejadores. Isto porque foi a primeira vez que eles participaram de uma regata oficial.

“Achei legal quando a regata começou, mas no final, quando fomos contornar a boia, estava sem vento, mas na volta tinha um pouco mais! A chuva atrapalhou e tive que tirar água de dentro do barco”, disse Rocco Volker.

Continuar lendo “Chuva marca primeiro dia da Regata de Abertura na Guarapiranga”