Filho de Robert Scheidt faz sua estreia em campeonatos brasileiros

O primeiro final de semana do 47º Brasileiro de Optimist foi agitado em Ilhabela. A maioria dos velejadores já chegou na Escola de Vela Lars Grael, onde estão sendo feitas as inscrições e as medições dos barcos. Quem já resolveu todas as pendências aproveitou o dia de sol para treinar nas águas do Canal de São Sebastião, antes do início das regatas oficiais, no dia 8. O evento, que tem apoio institucional da Prefeitura de Ilhabela, por meio da Secretaria de Esportes, segue até o dia 15 e é aberto ao público.

A classe Optimist é a porta de entrada para o esporte, na qual as crianças podem começar a partir dos 7 ou 8 anos e seguem até completarem 15 anos. Grandes nomes da vela mundial velejaram de Optimist e hoje veem seus filhos seguirem os mesmos passos. Este é o caso de Robert Scheidt, maior medalhista olímpico da vela brasileira, que está acompanhando seu filho Erik na sua primeira grande competição, bem como o de Alexandre Paradeda, campeão pan-americano e maior campeão brasileiro da classe Snipe, que é o técnico da Escola de Vela Lars Grael, onde sua filha Melissa treina.

De férias no Brasil, Erik disputou, também em Ilhabela, no final do ano passado, o Campeonato Paulista de Estreantes, conquistando a medalha de ouro, e agora se prepara para seu primeiro Brasileiro representando a cidade de Ilhabela.

Continuar lendo “Filho de Robert Scheidt faz sua estreia em campeonatos brasileiros”