HPE25: Ginca vence Ranking Gil Souza Ramos

350289_842110_copa_gil_2_web_ (1)

A tripulação do Ginga mostrou que é capaz de velejar e vencer em quaisquer condições de vento e maré. Conquistou a Copa Gil Souza Ramos com três vitórias em cinco regatas disputadas neste final de semana (10 e 11) na Baía de Guanabara. O comandante Breno Chvaicer ganhou um HPE 25 “zero km”, em troca da atual embarcação, uma das mais vitoriosas da vela oceânica no País.

Exceção ao comandante, os outros três tripulantes do Ginga são de Ilhabela: Vicente Monteiro, Ronyon Silva e Gabriel Silva. Bond Girl, da Flotilha Guarapiranga, e Conquest ecom, também de Ilhabela, ficaram respectivamente em segundo e terceiro lugares, com uma vitória cada.

O Ginga venceu os três campeonatos de HPE 25 que disputou em 2018 em três locais diferentes: Paulista, na Represa Guarapiranga; Semana de Vela, em Ilhabela; e agora a Copa Gil Souza Ramos, no Rio de Janeiro. O barco ainda lidera o Circuito Ilhabela de Vela Oceânica – Copa Suzuki, que será concluído em dezembro.

“Esse prêmio veio a calhar. O Ginga já tem 11 anos e eu começava a pensar em algo novo”, comemorou Chvaicer. O domingo decisivo foi de sol, calor e vento sul de 10 a 14 nós na Baía de Guanabara. Na primeira regata do dia, os três primeiros colocados, Ginga, Bond Girl e Dom largaram escapados duas vezes, ao lado de Ubuntu e Grifo. Os cinco barcos foram desclassificados, embolando o campeonato. Vitória do Conquest, que ficou apenas um ponto atrás do Ginga (15 a 16).

Na quinta e decisiva prova o Ginga liderou de ponta a ponta, seguido por Dom e Conquest, liquidando o campeonato mesmo após a desclassificação. “Vimos que Dom e Bond Girl avançaram sobre a linha na segunda largada da primeira regata e, por segurança, nos mantivemos atrás deles. Se escapássemos e fôssemos punidos, conforme aconteceu, sabíamos que nossos rivais também seriam. Na segunda regata largamos com o objetivo de marcar os adversários que ainda brigavam pelo título”, justificou Vicente Monteiro.

Prévia para o Campeonato Brasileiro – A Copa Gil Souza Ramos antecedeu estrategicamente o Brasileiro da Classe HPE25, a partir de quinta-feira (15), também no Iate Clube do Rio de Janeiro (ICRJ). São esperados de 25 a 30 barcos. O Ginga terá a oportunidade de chegar ao quarto título no ano. “Será muito competitivo e com mais barcos na raia ficará ainda mais difícil. A flotilha do Rio virá reforçada”, avisou Chvaicer em relação do Brasileiro.

O atual campeão brasileiro, Phoenix, de Eduardo Souza Ramos, locado na Represa Guarapiranga, já está no ICRJ para defender o título conquistado em 2017, em Ilhabela. Outros barcos da Flotilha Rio de Janeiro passaram o fim de semana treinando na Baía de Guanabara, paralelamente às regatas da Copa Gil Souza Ramos. O Brasileiro irá de quinta-feira à domingo (18/11).

 

Classificação final após cinco regatas

1 – Ginga (Ilhabela) – Breno Chvaicer : 2+1+1+UDF(11)+1 = 16 pp

2 – Bond Girl (Guarapiranga) – Rique Wanderley : 1+2+3+UDF(11)+4 = 21pp

3 – Conquest ecom (Ilhabela) – Marco Hidalgo : 7+4+4+1+5 = 21 pp

4 – Dom (Ilhabela) – Pedro Lodovici : 3+3+5+UDF(11)+2 = 24 pp

5 – Grifo (Rio) – Maurício Batista : 4+8+2+UDF(11)+6 = 31 pp

6 – Carbon (Ilhabela) – Demian Pons : 9+6+10+2+7 = 34 pp

7 – Sururu (Guarapiranga) – André Migliorelli – 6+7+7+3+DNF(11) = 34 pp

8 – Vésper III (Rio) – João Mendes : 5+10+6+5+8 = 34 pp

9 – Ubuntu (Guarapiranga) – Marcello Sestini : 8+5+9+UDF(11)+3 = 36 pp

10 – Gaz (Rio) – Timothy Barr : 10+9+8+4+DNF(11) = 42 pp

Da assessoria
Foto: José Olímpio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s