Sorsa é fita-azul da Santos – Rio

44991652_10157890790860558_4773006261375467520_n

Neste final de semana foi disputada a tradicional regata Santos – Rio. A largada foi dada no sábado, no Iate Clube de Santos, pouco antes da entrada de uma frente-fria e, por isso, a previsão era de ventos fortes de sul e mar grosso. O vento acompanhou os velejadores durante boa parte do percurso, fazendo com que o Sorsa fizesse o terceiro melhor tempo da história da regata, de 21 horas, 14 minutos e 53 segundos, garantindo a fita-azul desta edição. Dos 24 barcos que largaram, apenas o Maestrale não completou por problemas no mastro.

Garantiram a vitória nas classes: Rudá na IRC, Felciuno na ORC, Grug na RGS e Daddy-O na Mini.

A competição também foi válida como primeira regata do Brasileiro de ORC e IRC, que segue nesta semana com a disputa do Circuito Rio.

Confira o resultado completo:
ORC
IRC
RGS
MINI

Foto: André Mirsky / arquivo pessoal

Juliana Duque e Rafael Martins são vice-campeões do Hemisfério de Snipe

unnamed (39).jpg

A classe Snipe brasileira segue fazendo bonito nos eventos internacionais. Desta vez a medalha veio com o casal baiano Juliana Duque e Rafael Martins, que, após liderar os três primeiros dias de regatas na Argentina, acabou a competição na segunda colocação, atrás apenas dois pontos dos americanos Ernesto Rodriguez e Kathleen Tocke, primeiros colocados.  Completaram o pódio os argentinos Lucho Pesci e Barbara “Barbie” Brotons. Juliana, que é campeã mundial feminina, tem conquistado excelentes resultados na classe ao lado do marido e os dois buscam agora a vaga para os Jogos Pan-Americanos de Lima, no Peru.

Além dos dois, o Brasil também foi representado por Tiago Brito e Antonio Rosa (7), Bruno Bethlem e Rodrigo Lins (9), Juninho e Binho (10), Rafael Gagliotti e Henrique Winsniewski (11), Rodrigo de Almeida e Flavio Castro (14), Alex Juk e Piero Furlan (21), Gabriel Kielling e Giovanni Pistorello (24), Ralph Rosa e Alexandre (26), Adriano Santos e Cristian Franzen (29).

Os resultados completos podem ser vistos aqui

Foto: Matias Capizzano

Spindrift pronto para mais uma tentativa de recorde de volta ao mundo

Os tripulantes do maxitrimarã Spindrift estão se preparando mais uma tentativa de conquista do Troféu Julio Verne de barco mais rápido a dar a volta ao mundo. O início da espera oficial está marcado para dia 5 de novembro, só dependendo das condições perfeitas do tempo para a partida de Brest, na França. O tempo a ser batido é de 40 dias, 23 horas, 30 minutos e 30 segundos e foi estabelecido por Francis Joyon em 2017.

Fazem parte da tripulação do Spindrift: Dona Bertarelli, Yann Guichard (skipper), Christophe Espagnon, François Morvan, Xavier Revil, Jacques Guichard, Erwan Israël, Thierry Chabagny, Sam Goodchild, Erwan Le Roux, Benjamin Schwartz, Jackson Bouttell e Duncan Späth, além de Thierry Duprey Du Vorsent e Morgan Lagravière, que estarão na reserva.