Barcos da Volvo Ocean Race deixam a China rumo à Nova Zelândia

m112229_13-05-180205-pma-43520-2093.jpg

A sexta perna da Volvo Ocean Race será disputada a partir desta quarta-feira (7) e terá um percurso de Hong Kong até Auckland, na Nova Zelândia. Os barcos saíram nesta segunda-feira (5) de Guangzhou, na China, onde participaram da etapa de transição – considerada a quinta – e de uma regata costeira.   

O MAPFRE lidera o campeonato com 33 pontos, seguido pelo Dongfeng Race Team, que tem 29 pontos. O AkzoNobel, da brasileira Martine Grael, é o sexto colocado com 14 pontos ganhos.

A escala de Guangzhou marcou a quarta vez que a Volvo Ocean Race parou na China nos últimos 10 anos, começando pela raia olímpica de 2008 de Qingdao (edição de 2008-09).

As regatas subsequentes visitaram Sanya (2011-12 e 2014-15) e agora em Hong Kong e Guangzhou, que estreou no calendário da Volta ao Mundo.

Para o chinês Liu Xue (Black), que está correndo a bordo do Dongfeng Race Team, parar na China foi inesquecível. “Foram poucos dias aqui, mas foram mágicos. A gente teve o apoio de nossa família “.

“Esta é a terceira vez que passo pela China com a Volvo Ocean Race. Nós ficamos alguns dias num lugar diferente do que estamos acostumados, mas foi muito bom”, disse o comandante do Team Brunel, o holandês Bouwe Bekking.

“Existe uma excelente marina e a infra-estrutura é excelente. A organização é fantástica e está claro que os chineses sabem como colocar as coisas no lugar muito rapidamente”, concluiu.

Seis equipes da Volvo Ocean Race estão na linha de largada para ir de Hong Kong para Auckland na quarta-feira, a partir de 3 (Horário de Brasília). O percurso terá 6.100 milhas náuticas.

Ventos fortes estão previstos para o início da prova, o que pode alterar o horário da partida. A organização deve confirmar o horário correto da saída nas próximas horas.

Vestas 11th Hour Racing

A equipe Vestas 11th Hour Racing anunciou oficialmente que estará de fora da sexta etapa da regata. O barco ainda está em reparos após se colidir com um pesqueiro antes do fim da quarta perna, na chegada a Hong Kong. O time já perdeu a etapa até Guangzhou.

“Pelo tempo necessário para reparos significa que a equipe não vai se juntar à regata a tempo da Leg 6 de Hong Kong a Auckland, Nova Zelândia. O barco está sendo transportado via cargueiro de Hong Kong para Auckland. A equipe espera concluir os reparos em Auckland a tempo da regata costeira local e da perna até Itajaí, no Brasil, marcada para 18 de março”, conclui o comunicado enviado pelos representantes do Vestas 11th Hor Racing.

da assessoria / foto:Pedro Martinez

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s