Karoline Bauermann e Marcela Mendes vencem o 1º Brasileiro feminino de HC16

image003

Karoline Bauermann e Marcela Mendes são as primeiras campeãs do Brasileiro da Classe Hobie Cat 16. Na manhã de quarta-feira (15), a dupla terminou na liderança após três regatas, disputadas no Guaíba, em Porto Alegre, assegurando o título.

Ao todo, quatro duplas participaram das provas, realizadas diante da ilha do Clube dos Jangadeiros, sede da competição. Quase todas também disputam o Brasileiro de Hobie Cat Master junto com atletas homens. Karoline, atleta do Jangadeiros e também campeã gaúcha, faz dupla com Mario Dubeux, enquanto Marcela, do Iate Clube de Santa Catarina Veleiros da Ilha, é bicampeã do Sul Brasileiro junto com Ricardo Halla.

“É um título importante”, comemorou Marcela Mendes. Velejadora há 15 anos, ela espera que a competição estimule mais mulheres a participarem do Hobie Cat: “Ter mais de nós é um avanço”. Continuar lendo “Karoline Bauermann e Marcela Mendes vencem o 1º Brasileiro feminino de HC16”

World Sailing eleva status da Star Sailors League

326425_749660_ssl_largada_hamburgo_apj_web_

A World Sailing, o órgão máximo da vela mundial, anunciou em sua conferência anual em Puerto Vallarta, México, neste mês, que a Star Sailors League (SSL) foi reconhecida com status de Evento Especial, condição até hoje atribuída apenas a outras seis regatas: Volvo Ocean Race, America’s Cup, Extreme Sailing Series, World Match Racing Tour, PWA World Tour e World’s Kitesports Association’s Freestyle Tours.

O status de Evento Especial garante ao órgão mundial reconhecer e sancionar as competições da SSL. A World Sailing também passará a apoiar a Liga com atividades promocionais e de marketing, além de fornecer juízes e oficiais internacionais de regata. Como parte do acordo, os eventos também serão realizados sob as Regras de Navegação e Regulamentos da World Sailing, não impedindo, porém, que a Star Sailors League altere certas regras. Continuar lendo “World Sailing eleva status da Star Sailors League”

Mundial Jovem de Kite traz promessas da modalidade para o Brasil

IKA.jpg

Uma parceria inédita entre CBVela (Confederação Brasileira de Vela), IKA (Internacional Kiteboarding Association), World Sailing (Federação Internacional de Vela) e ABK (Associação Brasileira de Kitesurf), em conjunto com o Bradesco, vai trazer para o Brasil, neste fim de novembro, o futuro do kitesurfe. O paradisíaco litoral de Barra Grande, no Piauí, será a sede do Campeonato Mundial Jovem de Kitesurf, de 26 de novembro a 1° de dezembro. O evento será classificatório para os países da América do Sul para os Jogos Olímpicos da Juventude, em Buenos Aires, 2018.

Um menino e uma menina (nascidos entre o ano de 2000 e 2003) se classificarão por continente para os Jogos Olímpicos da Juventude, e outros quatro lugares por gênero também serão disputados no Mundial. O COI (Comitê Olímpico Internacional) reservará ainda uma vaga a mais por sexo para um país que tenha participado dos eventos classificatórios, mas que tenha deixado de classificar por pouco. Continuar lendo “Mundial Jovem de Kite traz promessas da modalidade para o Brasil”

Velejador da equipe paralímpica do RS disputa Brasileiro de Hobie Cat

20171112_125617.jpg

De forma pioneira na história do Hobie Cat, o velejador Ricardo Arantes Dubeux, 3º lugar no Mundial de Hobie Cat 14, está participando do Campeonato Brasileiro da Classe Hobie Cat 14 e 16 ao lado do velejador gaúcho Rafael Correa, da equipe paralímpica do Rio Grande do Sul. “Acredito que podemos modificar as vidas de muitas crianças, adolescentes e adultos que possuam alguma deficiência física através dos esportes náuticos, impulsionando-os a superar obstáculos”, declara Dubeux.

Rafael Correa, detentor de quatro títulos regionais e um nacional, é campeão na classe 2.4 e filiado ao Comitê Paralímpico Brasileiro. Também foi campeão gaúcho em 2011, 2012, 2013 e 2014, campeão brasileiro em 2013, vice campeão brasileiro em 2011 e 2014 e campeão brasileiro paralímpico na classe 2.4. Pela primeira vez, um atleta paralímpico está competindo na classe Hobie Cat.

 “A meta é fazer da prática dos esportes náuticos um instrumento de conquistas e descobertas, onde velejando, navegando e remando praticamos a auto-estima, a autoconfiança e uma das portas de inserção à sociedade”, finaliza o Dubeux.

O Brasileiro de Hobie Cat segue até o dia 18/11 no Jangadeiros, em Porto Alegre.

Com informações da assessoria / Foto: Neiva Melo

TJV: Prince de Bretagne perde o mastro a 93 milhas de Salvador

image-c-1180-664

Na tarde desta quarta-feira (15), o barco Prince de Bretagne perdeu seu mastro no litoral brasileiro, faltando 93 milhas náuticas para chegar ao destino final, que é Salvador, na Bahia. O trimarã da classe Ultime da Transat Jacques Vabre navegava em mar calmo com cerca de 15 nós de vento na hora da quebra.

Os dois velejadores do Prince de Bretagne estão à deriva, pois perdeu seu gerador há alguns dias atrás.

Um rebocador da Marinha do Brasil, o Guaratuba, saiu da Baía de Todos-os-Santos no início da noite para o município de Palame, na Bahia.

O barco seria o terceiro e último Ultime a completar o percurso entre Le Havre, na França, e Salvador, na Bahia.

Da regata