ICRJ divulga AR da Semana Internacional de Vela do Rio

Entre os dias 12 e 15 de outubro o Iate Clube do Rio de Janeiro vai promover a tradicional Semana Internacional de Vela do Rio de Janeiro, que este ano chega a sua 30ª edição. Estão convidadas as classes 49er, 49FX, RS:X (Masc., Fem. e Jr.), Nacra 17, Finn, Laser (Std.), Laser Radial (Masc./Fem.), 470 (Masc. e Fem.), SNIPE, 420 (Masc. e Fem.), 29er (Masc. e Fem.), Star, Ranger 22, J/70 e HPE 25 e J/24. As inscrições podem ser feitas na secretaria do clube e custam R$ 30,00 por tripulante. Para as classes mais rápidas (skiffs, catamarã e prancha) estão programadas 12 regatas. Para as demais, dez.

Confira o AR aqui.

Camiranga quebra mais uma vez o recorde da REFENO

A embarcação Camiranga escreveu, mais uma vez, o seu nome na historia da Regata Internacional Recife/Fernando de Noronha (Refeno). Neste domingo (1º de outubro), o veleiro do Rio Grande do Sul conquistou o Troféu Fita Azul da Refeno pelo quarto ano consecutivo, com direito a quebra do próprio recorde entre os barcos monocasco. Do Marco Zero do Recife até a praia do Boldró, o barco comandado por Samuel Albrecht completou a travessia de 292 milhas náuticas  em 19h03min18s.

Assim como previsto, o barco do Rio Grande do Sul liderou a prova de ponta a ponta. A travessia até Noronha foi com ventos variando de 15 a 20 nós e ondas de até 2,5 metros. O Patoruzu,  embarcação que compete na classe Mocra, encerrou o percurso entre o Marco Zero do Recife até a Praia de Boldró, em Noronha, em 25h45min05s e foi o segundo barco a cruzar a linha e primeiro da classe MOCRA. Comandado por Higinio Luis Marinsalta, o trimarã repetiu a colocação de 2015, mas concluiu o percurso em um tempo bem menor, já que quando foi segundo lugar geral da prova, naquela ocasião, o período de travessia durou 29h0min25s. Continuar lendo “Camiranga quebra mais uma vez o recorde da REFENO”