Fundador da Refeno, Maurício Castro vira troféu transitório

mauricio castro refeno

A partir deste ano, o idealizador da Regata Internacional Recife – Fernando de Noronha Maurício Castro passa a ter seu nome como um dos troféus da competição. A decisão da criação, que será uma das principais premiações da disputa, foi tomada através de uma parceria da Associação Brasileira de Velejadores de Cruzeiro (ABVC) com o Cabanga Iate Clube de Pernambuco.

Maurício Castro acabou virando um ícone da modalidade na Região após a criação da Refeno. A ideia surgiu após o, até então, diretor de Vela do Cabanga, montar uma tripulação para ver se era possível chegar a Fernando de Noronha a vela em um 24 pés.

A tripulação, batizada de “Pé na Cova”, chegou ao Arquipélago após uma semana de mar. Passada a experiência, Maurício decidiu juntar o maior número possível de embarcações e, a partir daí, ‘deu vida’ a Refeno.

Dada a necessidade de homenagear uma figura tão importante para a competição – assim como o Troféu Fita Azul, Tartaruga Marinha, Barco Feminino, entre outros – a ideia é entregar o “Troféu Maurício Castro” ao primeiro veleiro oriundo do Cruzeiro Costa Leste, independente da classe ou característica de casco, que chegue a Fernando de Noronha competindo pela Refeno. Vale lembrar que o troféu será rotativo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s