Conheça os favoritos das classes olímpicas que estarão na água hoje, estreia da Vela

estreia_vela

Quatro velejadores brasileiros estreiam hoje nos Jogos Olímpicos do Rio para o início da jornada em busca de medalhas. Muitos atletas já chegam aos Jogos como favoritos. Eles são avaliados por suas histórias em Olimpíadas e outras competições, como campeonatos mundiais e seletivas olímpicas. Confira os principais adversários dos brasileiros hoje.

Laser – Robert Scheidt, de 43 anos, vai enfrentar ou 45 atletas na raia hoje. A Laser é a classe olímpica mais numerosa na raia e não será diferente na Rio-2016. Scheidt que tem 5 medalhas olímpicas, 3 delas na classe Laser. Ele também já venceu 11 vezes o campeonato mundial da classe, o último título foi em 2013. Três atletas se destacam na disputa contra ele: Pavlos Kontides e atleta do Chipre e medalhista de prata da classe Laser nos Jogos de Londres-2012; Francesco Marrai, da Itália, é outro com boas chances de medalha após vencer o último evento teste do Rio de Janeiro; Nick Thompson é da Grã-Bretanha e bicampeão mundial Laser (2015 e 2016).

Laser Radial – Fernanda Decnop, estreante em Olimpíadas, foi bronze nos Jogos Pan-Americanos e vai velejar com outras 36 atletas na raia. Ela terá que bater o pódio completo de Londres-2012 como a chinesa Lijia Xu, ouro em Londres-2012, Marit Bouwmeester, dos Países Baixos, medalha de prata em Londres-2012, e a belga Evi Van Acker, medalha de bronze de Londres-2012.

RS:X Masculina – Ricardo Winick, nossa Bimba, também tem uma dura batalha pela frente. Dono de quatro medalhas de ouro e uma prata em Jogos Pan-Americanos, esta é a sua quarta participação em Jogos Olímpicos. Ele terá dois medalhistas de Londres na raia, o medalhista de ouro Dorian Van Rijsselberg, dos Países Baixos e o medalhista de prata Nick Dempsey, da Grã-Bretanha.

RS:X Feminina – Patricia Freitas, nossa representante na classe, está em sua terceira olímpiada e terá de bater a espanhola Marina Alabau, medalha de ouro em Londres-2012. Bryony Shaw, da Grã-Bretanha, e Charline Picon, da França, também são atuais nomes fortes da classe de Patricia.

As regatas começam daqui a pouco na Baía de Guanabara.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s