Veleiros do Sul sedia Sul-Americano de Soling

SuLAchamada

A classe Soling reunirá brasileiros e argentinos no Campeonato Sul-americano que começará no dia 21 (feriado) e seguirá até domingo (24) no Veleiros do Sul. O programa da competição prevê a realização de 9 regatas e um descarte. As largadas serão a partir das 13 horas.

Confira o AR clicando aqui.

Confira a lista parcial de inscritos clicando aqui.

Classe Laser de SP é a nova parceira do Notícias Náuticas

Image-1

Com o objetivo de divulgar a vela brasileira e mundial, o Notícias Náuticas, site de vela que mais cresce no país, acaba de se tornar o veículo oficial da classe Laser de São Paulo. Sob a coordenação de Nicolas Garcia, a classe vem se desenvolvendo a cada dia, com mais barcos participando das competições locais, nacionais e internacionais, além de fazer um trabalho de base com os velejadores de Optimist.

“2016 será um ano muito agitado para a Classe Laser SP, pois teremos grandes eventos acontecendo e, em 2017, pela primeira vez teremos o Brasileiro de Laser na Guarapiranga, então é extremamente importante termos um canal de comunicação forte! Assim como o Notícias Náuticas está nos apoiando, seguimos buscando gente que queira nos apoiar e ajudar a fortalecer ainda mais a classe em São Paulo”, disse Nicolas.

“O site nasceu com o objetivo de divulgar um dos esportes de mais sucesso no Brasil e o trabalho que o pessoal da classe Laser de São Paulo vem fazendo condiz bastante com o nosso pensamento. Assim como nós, eles querem que o esporte cresça e têm se esforçado muito para que isso aconteça na Guarapiranga. O resultado é o grande número de barcos que se vê treinando nos finais de semana ou representando o estado em outras competições”, completou Mariana Peccicacco, editora do site.

Acompanhe a página do Laser SP no Facebook e fique por dentro de todas as novidades da classe, regatas, resultados, treinos e mais!

 

 

Fernanda Decnop disputa o Mundial de Laser Radial

12295466_1256281327721960_9062174930710844926_n

Classificada para os Jogos Olímpicos Rio 2016, a velejadora Fernanda Decnop inicia nesta quinta-feira (dia 14) a disputa de mais um Mundial de Laser Radial. Em Nuevo Vallarta, no México, a brasileira vai em busca do seu melhor resultado na história da competição. Até hoje, sua melhor posição foi o 29º lugar, em 2014. As regatas vão até o dia 20 de abril, divididas entre fase classificatória e série final.

“Estou muito animada pois trata-se do campeonato com a presença das melhores velejadoras do mundo. Aqui, terei uma excelente experiência, me comparando com as atletas que vão disputar os Jogos Olímpicos. O objetivo principal é verificar os pontos a serem melhorados para a Olimpíada. Estou no Mundial para tentar fazer o meu melhor e seguir na preparação para os Jogos do Rio”, disse Fernanda.

Em 2015, a velejadora garantiu a classificação para disputar os Jogos Olímpicos pela primeira vez. Em termos de resultados, conquistou a medalha de bronze nos Jogos Pan-Americanos de Toronto e a vaga na regata da medalha no evento-teste dos Jogos Rio 2016. Na competição na Baía de Guanabara, que reuniu as melhores velejadoras da classe, ficou em 9º lugar.

Fonte: Assessoria de imprensa

Hong Kong é confirmada como parada da VOR pela primeira vez

m43291_route-map-2017-18-hkg

A rota da próxima edição da Volvo Ocean Race está quase completa. Nesta quarta-feira a organização anunciou que Hong Kong irá receber a competição pela primeira vez, em fevereiro de 2018. Com esta confirmação já são nove os portos de parada. Falta ainda confirmar a parada da América do Sul, que nas duas últimas edições foi em Itajaí, Santa Catarina.

“Estou muito contente que a regata vai visitar um dos portos mais bonitos do mundo pela primeira vez. Estamos muito felizes em receber Hong Kong na família Volvo Ocean Tace e sabemos que teremos lá uma parada que será um dos pontos altos da competição”, disse Antonio Bolaños, CEO da VOR.

Até agora já foram confirmados os portos de:

  • Alicante, Espanha
  • Auckland, Nova Zelândia
  • Cidade do Cabo, África do Sul
  • Cardiff, Inglaterra
  • Newport, Estados Unidos
  • Lisboa, Portugal
  • The Hague, Holanda

 

 

 

Star Sailors League faz evento inédito em Hamburgo em maio

280094_592638__mg_0005_web_

Os principais velejadores da nobre classe Star terão oportunidade inédita de desfilar seus talentos no Lago de Alster, centro de Hamburgo, Alemanha, entre 3 e 7 de maio. O primeiro City Grand Slam da Star Sailors League (SSL) deverá receber cerca de 80 duplas, reunindo medalhistas olímpicos e campeões mundiais como os brasileiros Bruno Prada e Lars Grael, entre tripulações de 20 países. A premiação total será de 100 mil dólares.

As condições de vento no coração da segunda cidade mais populosa da Alemanha oferecerão um desafio à parte aos atletas, podendo variar a cada momento tanto na direção quanto na intensidade. Para completar o cenário desafiador, o lago mede apenas 2,5 x 2,5 km, aproximadamente, o que exigirá percursos com pernas curtas proporcionando assim, a dança dos barcos no Alster. Organização e velejadores ainda estimam que as regatas serão como um vídeo game ou um jogo de xadrez tridimensional.

Enquanto o timoneiro estiver no controle da embarcação, o proeiro terá de levar à prática todos seus recursos técnicos para aprimorar o rendimento em relação aos adversários que devem formar uma flotilha extremamente compacta. Os componentes naturais devem se tornar ainda mais críticos devido à interferência no regime dos ventos, dos elevados edifícios do centro da cidade, ao redor do lago.

O norte-americano George Szabo , campeão do Lake Grand Slam em setembro, na Suíça, e da SSL Finals em dezembro nas Bahamas, está otimista para o próximo desafio. “No City Grand Slam de Hamburgo vou correr novamente com Patrick Ducommun (SUI). As condições podem ser semelhantes às do lago de Neuchatel, o que nos motiva a repetir o resultado do Lake Grand Slam suíço”, projeta o timoneiro mais vitorioso da SSL na temporada de 2015.

Emoção e tecnologia ao vivo – As regatas em Hamburgo serão transmitidas ao vivo na internet com comentários de especialistas e de convidados especiais do estúdio instalado no Lago de Alster. Na água, uma equipe embarcada irá produzir imagens em alta definição, mesclando gráficos em 3D às imagens em tempo real, oferecendo a telemetria das provas em detalhes. Para mais informações acesse o site oficial do SSL City Grand Slam: http://city.starsailors.com.

A Star Sailors League (SSL) foi criada em 2013 por velejadores para atender a necessidade dos velejadores, fortalecendo a classe ainda mais diante da exclusão do programa olímpico. O primeiro grande evento foi a SSL Finals com premiação de 200 mil dólares e vitória de Robert Scheidt e Bruno Prada, em dezembro do mesmo ano em Nassau (BAH). Em 2014, os norte-americanos Mark Mendelblat e Brian Fatih venceram a final mundial. Em 2015, George Szabo e Edoardo Natucci (ITA) foram os campeões no Caribe, após Szabo vencer o primeiro Lake Grand Slam ao lado do do suíço Duccommun, na Suíça.

Fonte: SSL